sábado, 7 de março de 2009

A PIOR DOR É A DA ALMA


"As dores que se alojam na alma, as dores que mexem com nossos sentimentos, como nossas perdas, indiferenças, humilhações e injustiças superam, muitas vezes, a dor física. É a dor mais profunda, é uma dor na alma. As feridas no corpo cicatrizam, o tempo pode apagá-las, mas as feridas na alma são sempre chagas abertas: à menor recordação, elas sangram."

(Taís Luso de Carvalho)

5 comentários:

  1. Pequenas mensagens mudam a vida de várias pessoas. :)

    ResponderExcluir
  2. Isso é mesmo muito profundo. E nesse momento está falando grandemente comigo. De fato a dor da alma é a pior. Adorei o blog. Super bjo.

    ResponderExcluir
  3. INFELIZMENTE E VERDADE,POR MAIS QUE NAO QUEREMOS E INEVITAVEL,NAO SENTIR ESTA DOR EM ALGUNS MOMENTOS EM NOSSAS VIDAS,MAS COM A GRACA DE DEUS PODEMOS SERMOS ALIVIADAS (OS).

    ResponderExcluir
  4. Sou um homem que é seduzido pela beleza da verdade, e
    nessa busca, encontro minha fé, encontro o meu Deus. E me deparo com a razão.Ela começa onde termina o limite da minha e toda loucura que existe.
    Sou um explorador que chega à costa, onde a terra termina e começa o mar.
    Iço minha vela onde o vento sopra e começo uma jornada sem tempo de chegar.
    E N’ele, esse imenso oceano, levanto os olhos para o céu admirando estrelas, tentando me localizar, e me encontro nessa minha fusão de ser, céu e mar.
    Então conquisto o direito e prazer de voar no infinito, deixando para trás essa terra finita de homens finitos.
    E me expando pelo universo afora, onde todo ponto é centro, onde agora tudo faz sentido: nossos defeitos, nossas virtudes, nossas mazelas, nossos pensamentos; as partículas, os átomos; até mesmo o poder da energia em nossa matéria e em toda matéria que há.
    No tudo que os meus olhos podem ver, na compreensão que os meus sentidos podem observar e, os que ele não pode também.
    E no imenso e diversas formas de amor que minha pequena grande alma pode amar.
    Fico extasiado com tamanha organização até mesmo nesse caos de nossa incompreensão.
    E descubro a fonte em meu interior profundo, que há em todo mundo. A fonte que abriga nossa alma, onde apressada corre como um fio d’agua.
    Fonte em que tudo e, o tudo existe.
    Uma nuvem de luz tão clara e densa que se desfaz em pequenas gotas de amor, embalando nossos sentimentos no colo, como eternos recém nascidos.
    E nesse aconchego, redescubro os segundos até o último momento, Nesse Multicêntrico que é Deus em tudo, e em todos nós.

    Roberto Barbosa

    ResponderExcluir
  5. ba esse texto do roberto barbosa é de arrepiar.

    ResponderExcluir

NÃO BASTA PENSAR... É PRECISO SE POSICIONAR E AGIR:

Loading...

NOTÍCIAS... FIQUE LIGADO...

Loading...